Cartório Eleitoral recebe as urnas eletrônicas para as eleições de outubro

Urnas eletrônicas

Chegou no final da tarde desta quinta-feira (16) em Sacramento, aquelas que serão responsáveis por receber os votos que definem as próximas eleições: as urnas eletrônicas.

Ao todo, chegaram 66 urnas, sendo que no dia 7 de outubro, dia da eleição, elas são distribuídas por sessões, geralmente em escolas - que são locais de votação. As urnas já se encontram na sede do Cartório Eleitoral.

Em 2018, os eleitores participam do processo eleitoral votando nas urnas para presidente da República, governador, senador, deputados federais e estaduais.

Por meio destas urnas, serão colhidos os votos de cada um dos 19.472 eleitores aptos a votarem em Sacramento.

Segundo informações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), as urnas eletrônicas são utilizadas nas votações brasileiras desde 1996. Na época, elas foram anunciadas como um grande avanço tecnológico para a democracia. Desde então, todos os estados brasileiros passaram a receber os aparelhos. Em caso de falhas na urna, o aparelho é retirado e substituído imediatamente por fiscais do TRE.

Nas eleições deste ano, parte das identificações dos eleitores será feita por meio do cadastro biométrico.

Os votos dos eleitores ficam armazenados em um cartão de memória conhecido como Registro Digital de Voto (RDV), que armazena as informações recebidas.

As urnas logo são levadas para o local de armazenamento, onde estavam anteriormente. Somente os cartões de memórias são utilizados durante a apuração. Eles são colocados em um dispositivo, onde são feitas as contagens de cada voto recebido na sessão eleitoral.

Logo após o primeiro turno, as urnas são encaminhadas para as zonas eleitorais. Caso haja nova votação, elas passam por novos cadastramentos de candidatos e eleitores e retornam para as sessões eleitorais no dia anterior ao segundo turno. Novamente, o processo de votação se repete.

No fim das eleições, as urnas retornam à Casa da Democracia, no TRE, onde novamente são colocadas em caixas e armazenadas, enquanto aguardam pelas próximas disputas eleitorais.