Rock in Sacra faz sucesso em sua 6ª edição

rock in sacra

111

O evento de rock solidário Rock in Sacra (RIS) firmou mais um ano como um dos mais aguardados e com a certeza de atrair público da cidade e região, confirmando ainda a sua 7ª edição para o dia 13 de julho de 2019.

De acordo com um dos organizadores, o advogado Thiago Scalon, o RIS não tem por objetivo atrair lucro; sendo assim, é quase impossível trazer bandas de renome nacional. Por isso, os organizadores selecionaram bandas que se inscreveram antecipadamente, e assim, trabalharam meses para que o evento fosse o sucesso que foi.

Atrações - E a 6ª edição, contemplou o público com as seguintes apresentações: participações especiais – o músico Tito Scalon e Dona Flor; as bandas sacramentanas – Beato Salu, Artigo 23 e Racionália; e as bandas regionais – Curinga Roque (Franca/SP), Pubic Air Inc (Araxá), Black Pantera (Uberaba) e Niobium (Araxá). A novidade deste ano foi a inclusão de dois DJ´s: Fred Batista e JH.

Além dos shows de música, o evento trouxe a palestra “Vivências do Câncer” com uma mensagem proferida pela psicóloga Ana Carolina Loyola Santos e dos portadores da doença Rodolfo Scalon e Nataliany Cerchi, que emocionaram todo o público presente com seus depoimentos.

Foram praticamente 10 horas de evento – 12h às 22h15. Três tatuadores fizeram suas artes e outros três grafiteiros também marcaram presença. A responsabilidade ambiental é cumprida todos os anos, com doação de mudas de árvores nativas. Como mesmo disse os organizadores, o evento começa e termina limpo. Com mais de 1000 pessoas que passaram pelo Parque de Exposição Hugo Rodrigues da Cunha, a 6ª edição do RIS atraiu vários públicos de todas as idades, até mesmo as crianças.

Público infantil – foi divertido ver a animação das crianças no RIS. Enquanto os adultos curtiam com empolgação o som das bandas no palco, as crianças brincavam no pula-pula, no escorregador e outros brinquedos, além da pintura facial e de outros entretenimentos. Até mesmo um fraldário improvisado foi instalado na festa, para as mamães trocarem seus bebês.

Evento social – mais um ano o RIS cumpriu o seu compromisso com a solidariedade e fez o bem para duas entidades: a creche CIJU e mais uma edição para a APAE. Toda a renda da portaria e do almoço que foi servido no evento, serão revertidos para as duas entidades. A APAS (protetores de animais) – também foi beneficiada com uma barraca e arrecadou fundos para a associação.

Além desta ação, o evento trouxe a equipe de motoclubes da cidade de Franca, dentre eles o clube de motociclistas Abutres, que tinha como componente o sacramentano Ludner Teixeira – falecido no mês passado em um acidente e que era um dos apoiadores do evento e encabeçou a ação social, que mesmo com sua partida repentina, mantiveram a ação e seus amigos arrecadaram cerca de 500 kg de alimentos não perecíveis que também foram doados para as duas entidades. Uma bonita homenagem também foi realizada para os familiares de Ludner. Entre uma pausa com as bandas, os organizadores convidaram a esposa com o filho e também o irmão dele para prestarem uma homenagem póstuma.

Equipe e apoio - Thiago Scalon, Mirian Oliveira, Saulo Amui, Marcone Scalon, Vinicius Zandonaidi, Vinicius Montanari, Dênis Balduíno, Rick Teodoro e Rogério Oliveira, os organizadores do Rock in Sacra, já confirmaram que em 2019 o evento está garantido. Outro ponto que também já está sendo formalizado, é a criação da Rock In Sacra - Associação Cultural, Artística e Filantrópica, e ousam chamar Sacramento de “A capital do Rock Solidário”. Desde 2017, o evento passou a ser inserido no calendário cultural da cidade, mas recebeu o apoio da prefeitura com a instalação do palco, som e luz. As demais despesas são por conta dos patrocinadores.