Sessenta mil em fraudes no Seguro-Desemprego foram bloqueados em Sacramento

seguro desemprego

Sistema Antifraude do Ministério do Trabalho impediu o pagamento de 14 benefícios irregulares com o montante bloqueado de R$ 60. 456

Minas Gerais teve 636 requerimentos bloqueados pelo Ministério do Trabalho desde a entrada em operação do sistema de Detecção e Prevenção à Fraude no Seguro-Desemprego (Antifraude), em dezembro de 2016.

Até abril de 2018, o estado registrou R$ 3,1 milhões em fraudes. “Esses recursos vinham sendo desviados por quadrilhas que atuavam em Minas Gerais. Nossa fiscalização, com o sistema Antifraude, está impedindo a ação desses criminosos”, afirmou o ministro do Trabalho, Helton Yomura.

Dentre as cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, Sacramento aparece na lista com 14 fraudes bloqueadas no valor de R$ 60.456; em seguida, aparece Uberaba com 13 (R$ 41.417), Araxá com 7 (R$ 25.278) e Uberlândia com 5 (R$ 15.923).

Desde a criação do sistema, o Ministério do Trabalho, em conjunto com a Polícia Federal, já deflagrou cinco operações de combate a fraudes no Seguro-Desemprego, que resultaram em 31 prisões.

* Redação/Daniel Afonso