Preso assaltante que atirou em policial de Conquista

Prisão

Na noite desta quinta-feira (9), por volta das 22h30, um policial civil foi atingido por dois tiros durante um assalto no bar Skinão, na cidade de Conquista (MG).

De acordo com a proprietária do bar, dois indivíduos passaram várias vezes pelo local, até que um deles, retirou uma arma aparente a uma pistola 635 e anunciou o assalto. Os indivíduos eram, um de estatura baixa, magro, trajando roupas claras; o outro, alto, também magro e com roupa de moletom escura.

Durante a ação, até mesmo os clientes do bar foram vítimas dos bandidos que levaram pertences como aparelho de celular, carteira e dinheiro.

O investigador Fábio Ponciano Duarte, que estava no local, deu voz de prisão aos autores, que reagiram e efetuaram disparos contra o policial civil, o atingindo no ombro direito. Depois disso, tomaram rumo próximo a uma fazenda do município.

O policial foi socorrido e encaminhado para o hospital da cidade, sendo constatado pelo médico de plantão, duas perfurações na região da clavícula direita e um dos projéteis alojado. Ele passa bem, sem algum risco de vida.

Durante toda a madrugada, uma megaoperação comandada por policiais civis da região continuou os rastreamentos à procura dos respectivos autores.

Na manhã desta sexta-feira (10), foi preso em flagrante, em Sacramento, o indivíduo F.O.B., 18 anos, que foi reconhecido por várias testemunhas como um dos autores do crime. Segundo informações da PC, este autor tem antecedentes por tráfico de drogas, roubo e havia saído da cadeia recentemente.

O êxito da prisão do indivíduo vem das forças do comando da Delegacia Regional, coordenada pelo delegado Vitor Hugo Heisler, e da participação da Polícia Civil, através dos delegados, Rafael Jorge e Tiago Cruz Ferreira, respectivamente, de Sacramento e Araxá, bem como dos investigadores das três cidades. E ainda com apoio das Polícias Militares de Conquista e Sacramento - esta através da sargento Edna Almeida, e da Ronda Ostensiva com Cães Adestrados (Rocca) de Araxá.

Segundo informações da polícia, os autores chegaram à cidade em uma motocicleta, de cor prata, sem maiores dados. No local do crime, abandonaram um boné escuro e um par de chinelo.

* Redação/Daniel Afonso