Regional de Uberaba entrega certificados por desempenho na Atenção Básica

saúde

Na última reunião da Comissão Intergestores Regional Ampliada (CIRA), que aconteceu ontem (30/05) em Uberaba, a equipe da Atenção Primária da Regional entregou certificados de reconhecimento de desempenho dos municípios no Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Atenção à qualidade da Atenção Básica (PMAQ AB). Ao todo, foram 12 equipes entre Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) e Atenção Básica com Saúde Bucal (AB/SB) com desempenho ótimo e muito bom, de seis municípios.

De acordo com a qualificação atingida, cada equipe pode dobrar o valor recebido para financiamento das ações, a fim de incentivar os profissionais. A coordenadora da Atenção Primária regional, Sheila Rezende explica que o processo de certificação acontece em três etapas: a autoavaliação da equipe, o monitoramento dos indicadores e a avaliação externa realizada no local. “Os critérios avaliados se dividem entre padrões essenciais, que são obrigatórios, e padrões estratégicos, não obrigatórios mas que contribuem para a melhoria nos processos de trabalho, como por exemplo, o acesso da unidade de saúde em horário de almoço, implantação do prontuário eletrônico, entre outros serviços prestados à população.”

O município de Sacramento recebeu certificado por atendimento muito bom em duas equipes de Atenção Básica e ótimo para uma equipe de NASF. O secretário municipal de saúde, Reginaldo Afonso dos Santos, explica que para alcançar os resultados, vem sendo realizadas capacitações constantes, além do apoio matricial e processo terapêutico singular. Segundo ele, “o município também conseguiu bons resultados no Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde (PQA-VS) e no Programa de Monitoramento das Ações de Vigilância em Saúde (ProMAVS), além do prêmio de 10 mil reais no XXXV Congresso do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS), pela experiência exitosada Academia Viva, na região sudeste”.

Em Conceição das Alagoas, a equipe de NASF também recebeu certificado de ótima atuação. A gestora municipal de saúde, Josiane Mendes da Silva, conta que iniciou o trabalho com a estruturação do espaço fixo das unidades, o que trouxe melhorias, tanto para os usuários do SUS, quanto aos profissionais, com relação ao acesso e desenvolvimento das atividades de saúde. No entanto, completa Josiane, “ainda não estamos satisfeitos, temos condição de avançar mais. Hoje oferecemos serviços como inalação com sala própria, sala de vacinas, sala de curativos e educação permanente das equipes e nosso intuito é estender, cada vez mais, estes cuidados no município”.

PMAQ

O programa tem como objetivo incentivar os gestores e as equipes a melhorarem a qualidade dos serviços de saúde oferecidos aos cidadãos do território. Para isso, propõe um conjunto de estratégias de qualificação, acompanhamento e avaliação do trabalho das equipes de saúde, a partir do repasse de recursos do incentivo federal para os municípios participantes que atingirem a melhoria no padrão de qualidade no atendimento.

Fonte: Secretaria de Estado de Saúde/MG