Dia D de vacinação contra Gripe acontece neste sábado em todo país

gripe

No próximo sábado, (12/05), acontece o Dia de D de vacinação contra a Gripe. As salas de imunização das Unidades Básicas de Saúde (UBS) ficarão abertas para que as pessoas possam se vacinar. Em Belo Horizonte, a Prefeitura de BH e a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) vão promover o dia D de vacinação contra a gripe (Influenza), a partir das 9 horas, no centro de saúde do Bairro Camargos, localizado na rua Luiza Rua Luiza Efigênia Silva, 159, bairro Camargos.

A Campanha começou no dia 23 de abril e vai até o dia 1° de junho e a meta é vacinar 90% do público alvo, o que representa mais de cinco milhões de pessoas. Conforme dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunização (SIPNI), até o momento, a cobertura vacinal no estado está em 30,55%.

A Diretora de Vigilância Epidemiológica da SES-MG, Janaína Fonseca Almeida, explica que a vacinação é uma das principais estratégias de prevenção da Gripe. “Por isso é tão importante aproveitar o sábado para se imunizar. A vacina tem contribuído ao longo dos anos, para a redução de complicações, internações e óbitos, especialmente na população de risco”, disse.

No dia é muito importante levar o cartão de vacinação.

A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Ela protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da OMS, (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B). Neste ano, apenas a cepa da influenza A (H1N1) não foi alterada: A/Michigan/45/2015 (H1N1)pdm09; A/Singapore/INFIMH-16-0019/2016 (H3N2); e B/Phuket/3073/2013.

» Outras informações estão disponíveis em: www.saude.mg.gov.br/gripe

Quem pode receber a vacina pelo SUS?

    Crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias);
    Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
    Gestantes;
    Puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto);
    Mulheres e homens com 60 anos ou mais;
    Trabalhadores de saúde
    Povos indígenas
    Pessoas privadas de liberdade
    Portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais que comprometam a imunidade
    Professores de escolas públicas ou privadas

* SES