FCU leva Congada e Moçambique para apresentação no interior paulista

FCU

A Fundação Cultural de Uberaba levou, no último domingo (10), um terno de Congada e um terno de Moçambique para apresentações especiais na tradicional Festa do Congo da cidade de Santo Antônio da Alegria, localizada no interior de São Paulo.

A cultura uberabense foi representada pelo Terno de Congo Pavão Dourado Africano, guiado por Mãe Ana, e pelo Terno de Moçambique Zumbi dos Palmares, do capitão José Reinaldi.

O presidente da Fundação Cultural, Antônio Carlos Marques, que acompanhou pessoalmente os ternos de Congada e Moçambique, foi recebido pelo prefeito João Batista Mateus e destacou a importância da integração cultural para a preservação das tradições.

"Esta é mais uma iniciativa para reativarmos o Polo Cultural e fomentar este intercâmbio de manifestações artísticas. Trouxemos os grupos de Uberaba a pedido do prefeito Paulo Piau e o resultado foi gratificante e muito positivo" afirma o presidente.

Vale lembrar que o Polo Cultural (Pocultap) nasceu nos anos 90 e reuniu grande parte das secretarias de cultura da região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. O objetivo do Polo Cultural era fortalecer a área cultural da região, criar uma integração cultural e alavancar o turismo, levando para cada município informações culturais e atividades como cursos, palestras, intercâmbio de shows musicais e exposições itinerantes vindas das Secretarias de Cultura dos municípios.

A reativação do projeto é uma oportunidade de novamente reunir as secretarias e departamentos de cultura e turismo da região com o objetivo de criar intercâmbios culturais, desenvolver projetos e buscar parcerias de interesse para a região, bem como conhecer a realidade de cada município e fortalecer as ações culturais de cada local.

Em Santo Antônio da Alegria a tradição do encontro existe há mais de 70 anos e tradicionalmente a festa ocorre sempre na primeira semana do mês de setembro, por um período de quatro dias. A cidade atualmente é representada pelo Terno de Congo Irmãos Paiva e pelo Terno de Moçambique São Benedito, e eles recebem diversos outros grupos que vem de cidades vizinhas e dos demais estados.

O evento, que Santo Antônio da Alegria considera a maior Festa de Congo do Brasil, aconteceu na praça da Igreja do Rosário e reúne todos os anos milhares de pessoas de diversas cidades. Neste ano a festa começou na sexta-feira, dia 8 de setembro, e prosseguiu até segunda, dia 11, com a descida das bandeiras dos santos padroeiros da congada.

Fonte: PMU/FCU