Terceirização é tema do Fiemg Competitiva

fiemg

A terceirização da mão de obra conforme as novas regras da reforma trabalhista foi tema de encontro técnico do projeto Fiemg Competitiva, na sede Fiemg (Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais) - Regional Vale do Rio Grande. Cerca de 30 pessoas ligadas ao Sindicato das Indústrias da Alimentação de Uberaba (Sindaliu), Sindicato das Indústrias da Panificação e Confeitaria de Uberaba (Sindipan), Sindicato da Indústria Metalúrgica, Material Elétrico e Fundição de Uberaba (Simefu) e Sindicato da Indústria da Mecânica de Uberaba (Simu) acompanharam as orientações do advogado trabalhista Gustavo Ferreira, de Belo Horizonte. 

Ao todo, 11 sindicatos filiados à Regional Vale do Rio Grande integram o Programa, incluindo, também, Marcenaria (Sindmov), Mármores e Granitos (Simgvale), Calçados (Sindcau), Material Plástico (Sindiplast), Vestuário (Sindvestu), Gráfica (Sindigraf) e Construção Civil do Planalto de Araxá (Sinduscon-PLA). 

O Fiemg Competitiva oferta capacitação técnica e de gestão, consultorias de exigências regulatórias e de melhorias de processo produtivo e assessoria em áreas trabalhista, tributária, ambiental, econômica e de energia. A iniciativa também viabiliza encontros de mercado e oferece prospecção, desenvolvimento tecnológico e inovação. 

"É uma iniciativa que desenvolve ações voltadas para o aumento da competitividade com atuação direta na empresa, com subsídio de até 90% do valor total", explica a analista de projetos da Fiemg, Ana Carolina Cristiano.