Piau pede a Zema mais investimentos à segurança pública em Uberaba

Zema

No início da tarde, o prefeito se reuniu com os comandos regionais das Polícias Militar e Civil 

O prefeito Paulo Piau que manteve agenda esta manhã (quinta, 27) em Belo Horizonte com o governador Romeu Zema, desembarcou em Uberaba no início da tarde. A agenda vespertina que previa compromissos fora de Uberaba foi suspensa, ante a madrugada de ataques sofridos em Uberaba por ações do crime organizado.

Depois de cobrar pessoalmente – na verdade reforçar cobrança - ao governador de mais investimentos aos organismos de segurança pública em Uberaba, Piau retornou à cidade acompanhado do deputado estadual e delegado de Polícia Civil, Heli Andrade ‘Grilo’ e seguiu direto para a sede da 5ª Risp - Região Integrada de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais, onde se reuniu com o coronel PM, comandante regional, Lupércio Peres e com o  regional da Polícia Civil, delegado PC Francisco Eduardo Gouvea Motta.   No local foi pontuado sobre o ocorrido e da situação de forma geral sob a ótica do sistema de segurança. Piau reforçou a parceria da Prefeitura com as Polícias.

Piau lamentou o ocorrido,  lembrando episódio semelhante a cerca de um ano e meio quando do ataque à Rodoban. Ainda na capital, ele foi acionado pela Defesa Social, acompanhou e encaminhou questões da seara da Prefeitura. PP reconheceu a garra dos policiais das corporações de Uberaba e destacou a ‘valorosa’ Polícia Militar que foi para o enfrentamento, segundo ele, com galhardia, estratégia e inteligência. E salientou que o governo do Estado ante ao quadro, determinou o reforço do policiamento para a ação que começou nas primeiras horas desta quinta-feira. O prefeito também manifestou solidariedade à toda sociedade, de forma especial às vítimas diretas da ação marginal.

Piau afirma que a segurança pública em Uberaba precisa demais investimentos do Estado e que no que tange à Prefeitura, está sendo providenciado armamento e treinamento para os Guardas Municipais, além do aumento do efetivo a fim de poder contribuir ainda mais com os organismos de segurança de nossa cidade.

Fonte: Jorn. Gê Alves (Secom/PMU)