MPHU reúne diabéticos para falar sobre a doença

diabetes

O Mário Palmério Hospital Universitário (MPHU) realiza, nesta quarta-feira (14), o "4º evento de comemoração do Dia Mundial de Diabetes". A proposta é educar a população diabética em relação à alimentação, à atividade física e à aderência ao tratamento, orientar e avaliar individualmente os participantes e destacar a importância da prevenção e do rastreamento do diabetes mellitus. O evento é gratuito para diabéticos. Já para acadêmicos e profissionais, a entrada é 2 quilos de alimento. A atividade acontecerá no anfiteatro 01, das 14h às 17h.

O evento terá início com a palestra "Convivendo com Diabetes", ministrada pela psicóloga Wanda Lavínia Lepri Longas, presidente da Associação dos Voluntários do Hospital Universitário de Uberaba (Vahmus).  A partir das 14h40, o tema será "Mitos e Verdades", com a endocrinologista Fernanda Oliveira Magalhães. Em seguida, às 15h20, acontece a palestra "Movimento com o Diabetes", que será ministrada pela educadora física Lorrayne Ferreira. Logo depois, haverá aferição de glicemia capilar e pressão arterial.

O dia 14 de novembro é marcado por uma série de atividades em prol do Dia Mundial de Diabetes. A campanha é liderada mundialmente pela International Diabetes Foundation (IDF) e suas associações-membros. No Brasil, é organizada pela Sociedade Brasileira de Diabetes. "Em Uberaba, pelo quarto ano consecutivo, manteremos o Mário Palmério Hospital Universitário nessa rede de prevenção e educação em saúde, de uma doença altamente prevalente e incapacitante, sendo considerada nova epidemia mundial", ressalta a endocrinologista e professora de Medicina, Fernanda Magalhães, organizadora do evento.

Segundo ela, o conhecimento sobre a doença, as consequências e como tratá-la ajuda na adesão ao tratamento e melhora a qualidade de vida. "O diabetes é uma doença em que o açúcar no sangue aumenta. Isso pode ser consequência da falta do hormônio insulina ou da dificuldade desse hormônio em agir, por exemplo, na obesidade", explica Fernanda.

Na programação do evento, também serão abordados os tipos mais comuns do diabetes. "Temos o diabetes tipo 1, que acomete mais os jovens e promove a necessidade de uso de insulina, pois é um tipo de diabetes em que ocorre destruição das células do pâncreas, que produzem o hormônio insulina. Temos o diabetes tipo 2, que é mais frequente — 90% dos diabéticos têm esse tipo. Está associado à genética e a hábitos de vida, como obesidade, sedentarismo e alimentação rica em gordura. Temos outros tipos, que são relacionados com doenças do pâncreas, uso de medicamentos, infecções e doenças genéticas raras. Mas esses tipos de diabetes são raros, de 1% a 2% dos casos", finaliza.

O Mário Palmério Hospital Universitário fica na Avenida Nenê Sabino, nº 2477, no bairro Santos Dumont. Os interessados podem obter mais informações sobre o evento por meio do telefone (34) 3352-1718.